Há 44 anos, golpe militar no Chile derrubava o presidente socialista Salvador Allende

Internacional
Typography

 

Ditadura foi uma das mais violentas da América Latina; informes apontam que 40 mil pessoas foram vítimas do processo

Do Brasil de Fato

 O presidente socialista Salvador Allende foi destituído do poder em 11 de setembro de 1973, por meio de um golpe de Estado executado por militares.

À época do golpe, o país passava por um embargo econômico promovido pelos Estados Unidos. Famílias inteiras sofriam com a falta de alimentos e produtos essenciais. A situação deixou um terreno fértil para que a burguesia descontente e os militares tomassem o governo.

A partir disso, uma Junta Militar, formada pelo comandante do Exército, Augusto Pinochet, e outros militares de alta patente exigiram a renúncia imediata de Allende.

PUBLICIDADE

Após ter conhecimento da insurreição do Exército, Allende pegou a AK-47, rifle que ganhou de presente do ex-presidente cubano Fidel Castro, e foi para o Palácio de la Moneda, sede do governo. Ele tentou resistir, mas os militares já haviam tomado todo país.

Assim que o presidente chega ao la Moneda, o palácio é bombardeado pelos militares. Em seu último pronunciamento, Allende destacou a traição dos militares:

" Viva o Chile! Viva o povo! Viva os trabalhadores! Estas são minhas últimas palavras e tenho a certeza de que meu sacrifício não será em vão. Tenho a certeza de que, pelo menos, será uma lição moral que castigará a perfídia, a covardia e a traição".

O golpe militar do Chile se estendeu por 17 anos. Após a democratização, diversas comissões e relatórios foram realizados para encontrar e sistematizar as vítimas do regime. O levantamento mais recente, feito pela Comissão Valech, contabilizou 40 mil vítimas entre torturados, presos e assassinados.

Artigos Relacionados

Operação militar Operação militar "ativa" contra Estado Islâmico na Síria se aproxima do fim, dizem Forças Armadas russas
ORIENTE MÉDIO Em reunião, chefes dos Estados-Maiores de Irã, Rússia e Turquia acordaram...
Presidente turco acusa EUA de financiar Daesh na Síria Presidente turco acusa EUA de financiar Daesh na Síria
ORIENTE MÉDIO Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, acusou os EUA de prover assistê...
Pepe Mujica convoca para encontro em Montevidéu pelo “combate do futuro” Pepe Mujica convoca para encontro em Montevidéu pelo “combate do futuro”
AMÉRICA DO SUL Capital uruguaia sedia encontro que integra a Jornada Continental pela...

Leia mais

Correio Caros Amigos

 
powered by moosend
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
×
CORREIO CAROS AMIGOS
powered by moosend