Documento final do G20 isola Estados Unidos ao dizer que Acordo de Paris é "irreversível"

Internacional
Typography

Documento final do G20 isola Estados Unidos ao dizer que Acordo de Paris é "irreversível"

Por Opera Mundi

O documento final da reunião entre os 20 líderes das maiores economias do mundo (G20) confirmou neste sábado (08/07) o compromisso de 19 dos membros do encontro, com a exceção dos Estados Unidos, com o Acordo de Paris sobre o clima.

 

No texto, todos os líderes se comprometem em manter as metas do pacto e dizem que o documento é "irreversível". "Nós tomamos nota da decisão dos Estados Unidos da América de deixar o Acordo de Paris", diz o comunicado.

Assim como já era esperado, a decisão do presidente norte-americano, Donald Trump, de retirar seu país do pacto mundial, acabou isolando Washington quando o assunto foram as mudanças climáticas. No entanto, pela primeira vez, houve a adição de um parágrafo de "dissidência" dos EUA - após muita pressão dos norte-americanos.

PUBLICIDADE
,
PUBLICIDADE

No trecho, afirma-se que os EUA irão "trabalhar próximo aos outros países para ajudá-los a acessar e a usar combustíveis fósseis de maneira mais limpa e eficiente". Mais cedo, a chanceler alemã, Angela Merkel, lamentou a decisão de Trump e a premiê britânica, Theresa May, criticou a "intransigência" de Washington sobre a questão.

O texto segue ainda com o combate ao protecionismo na economia, onde os líderes - incluindo Trump - se comprometem a "combater o protecionismo incluindo todas as suas práticas desleais e reconhece o papel legítimo das regras de defesa comercial a esse respeito".

Os líderes ainda afirmam que vão "apoiar o livre comércio e abrir os mercados". Também por pressão de Washington, o documento pede que a China reduza a produção de aço e a pressão que faz em outros mercados nesse tema.

Outro ponto que teve unanimidade foi o compromisso com a luta contra o terrorismo internacional e intensificar, entre outras medidas, a punição para quem faz propaganda extremista na web.

Eles ainda se comprometeram a tomar medidas para excluir rapidamente esse tipo de material na internet.

Artigos Relacionados

Coreia do Norte ameaça testar bomba nuclear de hidrogênio no oceano Pacífico Coreia do Norte ameaça testar bomba nuclear de hidrogênio no oceano Pacífico
ÁSIA Kim Jong-un chamou presidente norte-americano de "senil" e afirmou que republicano é "...
Conselheiro para Segurança Nacional da Casa Branca desmente Trump e nega Conselheiro para Segurança Nacional da Casa Branca desmente Trump e nega "opção militar" na Venezuela
GEOPOLÍTICA Declaração chega exatamente duas semanas depois de o mandatário ter dito que...
Chanceler alemã: Berlim não apoiará automaticamente EUA em caso de guerra com Pyongyang Chanceler alemã: Berlim não apoiará automaticamente EUA em caso de guerra com Pyongyang
GEOPOLÍTICA Berlim não ficará automaticamente do lado de Washington em caso de conflito...

Leia mais
×

×
CORREIO CAROS AMIGOS
powered by moosend