dolaresECONOMIA Artigo mostra que déficits públicos não provêm de despesas sociais, nem de investimentos, mas o mito se propaga graças a uma oligarquia financeira, dona de bancos e de outras indústrias dominantes, que comanda governos das “democracias” e formadores de opinião. Por Adriano Benayon

Mais artigos...

×

×
CORREIO CAROS AMIGOS
powered by moosend