Trump quer enviar astronautas americanos à Lua e a Marte

Internacional
Typography

Trump assinou nova diretriz da política espacial americana

Por Deutsche Welle
No Opera Mundi

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lançou nesta segunda-feira (11) uma nova diretriz do programa espacial do país, que prevê o envio de astronautas americanos à Lua, o estabelecimento de uma base no satélite, de onde, posteriormente, será enviada a primeira missão tripulada a Marte.

"A diretriz, que estou assinando, reorienta o programa espacial dos EUA na exploração humana e no descobrimento e marca o primeiro passo no retorno dos astronautas americanos à Lua pela primeira vez desde 1972", destacou o presidente, durante a cerimônia de assinatura do documento na Casa Branca.

Trump afirmou que os astronautas americanos, desta vez, não só colocarão a bandeira dos EUA e pisarão no solo lunar, mas também estabelecerão uma base para o envio da primeira missão tripulada a Marte.

PUBLICIDADE

"Imaginem a possibilidade que nos espera nessas formosas e enormes estrelas se nos atrevermos a sonhar grande. Isso é o que o nosso país está fazendo de novo, estamos sonhando grande", ressaltou.

O vice-presidente, Mike Pence, o diretor interino da Nasa, Robert Lightfoot, e a primeira mulher astronauta comandante da Estação Espacial Internacional, Peggy Whitson, participaram do evento na Casa Branca.

Em comunicado, a Casa Branca afirmou que os EUA trabalharão com outros países e com a iniciativa privada para enviar astronautas à Lua e desenvolver a tecnologia necessária para a exploração de Marte e de outras regiões do Sistema Solar.

Em 20 de julho de 1969, o astronauta americano Neil Armstrong se tornou o primeiro homem a pisar na Lua. A última vez que os EUA enviaram uma missão tripulada fora da órbita terrestre foi em 1972, na Apolo 17. Dos três astronautas a bordo, Eugene Cernan e Harrison "Jack" Schmitt fizeram três caminhadas sobre a superfície lunar. O próprio Schmitt, de 85 anos, esteve presente no ato desta segunda-feira.

Enviar humanos a Marte é um dos principais objetivos da política espacial americana há anos. A primeira missão tripulada ao planeta vermelho está planejada para acontecer na década de 2030.

Artigos Relacionados

Apple pagará US$ 38 bilhões para repatriar capital aos EUA Apple pagará US$ 38 bilhões para repatriar capital aos EUA
EUA Pagamento é para repatriamento de dinheiro mantido no exterior; gigante da informática...
Turquia ameaça romper com Israel se Jerusalém for reconhecida como capital pelos EUA Turquia ameaça romper com Israel se Jerusalém for reconhecida como capital pelos EUA
ORIENTE MÉDIO Mudança da embaixada norte-americana para Jerusalém coloca em risco relações...
Ninguém vence uma corrida para o fundo do poço Ninguém vence uma corrida para o fundo do poço
ECONOMIA Claramente, o efeito da reforma tributária dos EUA será suportado pelas pessoas mais...

Leia mais

Correio Caros Amigos

 
powered by moosend
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade